The Brazilian Migration to French Guiana: Current Perspectives

  • Manoel de Jesus DE SOUZA PINTO Federal University of Amapa, Brazil
  • Jorge Lucas DE OLIVEIRA DIAS Federal University of Amap, Brazil
Keywords: French Guiana, Amapá, migration, work relationships

Abstract

The purpose of this article is to analyze the constant presence of Brazilian workers in French Guiana and Suriname, in relation to topics such as migration, clandestinity and labor relations, taking as a point of reference the northern border of Brazil, and more specifically, the municipality of Oiapoque-AP. It seems relevant to us to understand the general picture of the recent changes in relation to this historical phenomenon and current trends in relation to the jobs occupied by Brazilian immigrants, legal or illegal, in the region, especially after the inauguration of the Binational Bridge. The methodology of this work was developed from participant observation with great help of ethnographic writing and documentary analysis. In this sense, this article intends to explore current migratory flows, and to identify possible trends and changes in labor relations in the Guiana Plateau whether in mining areas or even in urban centers such as Cayenne.

Author Biographies

Manoel de Jesus DE SOUZA PINTO, Federal University of Amapa, Brazil

professor da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP). Mestre em Sociologia Geral pela Universidade Federal do Pará; Doutor pelo Programa de Pós-graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido da Universidade Federal do Pará/NAEA e Pós-Doutorado no exterior (CAPES) no CNRS-GUYANE de 2010 a 2012. Coordenador do Projeto de Pesquisa “As novas faces da migração brasileira para a Guiana Francesa” (DPq/UNIFAP

Jorge Lucas DE OLIVEIRA DIAS, Federal University of Amap, Brazil

aluno do curso de graduação em Licenciatura em Sociologia da Universidade Federal do Amapá (UNIFAP); Bolsista do Programa de Iniciação Científica (PROBIC/UNIFAP); Monitor voluntário no Grupo de Pesquisa: “Núcleo de Estudos e Pesquisas em Antropologia visual, da Imagem e Som, Memória e Identidades” (NAIMI/UNIFAP); Membro do projeto de pesquisa científica: “As novas faces da migração brasileira para a Guiana Francesa” (DPq/UNIFAP); Graduado em Recursos Humanos na Universidade Paulista; Aluno do curso de Especialização em Estudos Culturais e Políticas Públicas da Universidade Federal do Amapá (PCULT/UNIFAP) e Membro do Grupo de Pesquisa em Estudos Interdisciplinares em Cultura e Políticas Públicas (CNPq/UNIFAP)

References

Arouck, de Camargo, R. (2002). Brasileiros na Guiana Francesa: fronteiras e construções de alteridades. Belém: NAEA/UFPA.

Bourdieu, P. (1990). Coisas ditas. São Paulo: Brasiliense.

Castro, E. (2007). Fronteiras e territorialidades: atores locais e conexões transnacionais. In: S. Feldman, Sarah, A. Fernandes, O urbano e o regional no Brasil contemporâneo: mutações, tensões, desafios. Salvador: EDUFBA; UNESP, 251-268.

Castro, E. (2006). Crise do Capitalismo e Transformação no Mundo do Trabalho neste final de Século In: M.J. Costa Jackson. Trabalho, educação profissional e empregabilidade. Belém: UFPA.

Castro, E. et al. (2001). Estado e políticas públicas na Amazônia: gestão do desenvolvimento regional. Belém: Cejup.

Granger, S. (1999). Guiana: da rivalidade à cooperação. La Roche Gravée, Caiena, (3).

Haesbaert, R. (2005). Migração e desterritoriação. In: H. Povoa Neto, A.P. Ferreira (org.). Cruzando fronteiras disciplinares: um panorama dos estudos migratórios. 1 ed. Rio de Janeiro: Revan, 35-46.

Mam-Lam-Fouck, S. (1996). Historie générale de la Guyane Française: les grands problèmes guyanais; permanense et évolu-tion. Cayenne: Íbis Rouge; presses Universitaires Créole/GEREC.

Margolis, M. (1994). Little Brazil: imigrantes brasileiros em Nova York. Campinas: Papirus.

Neto, H., Ferreira, A. (2005). Cruzando fronteiras disciplinares: um panorama dos estudos migratórios. Rio de Janeiro: Editora Revan/FAPERJ.

Pesquisa de Campo (2015). As Novas Faces da Migração de Brasileiros para a Guiana Francesa. CNPQ, Relatório de Pes-quisa. Macapá e Cayenne.

Pesquisa de Campo (2005). O fetiche do emprego: um estudo sobre relações de trabalho de brasileiros na Guiana Francesa, realizado em Macapá, Oiapoque e Caiena, tendo como orientadora a professora Edna Maria Ramos de Castro, junto ao NAEA/UFPA, Belém.

Pesquisa de Campo (2004). O fetiche do emprego: um estudo sobre relações de trabalho de brasileiros na Guiana Francesa, realizado em Macapá, Oiapoque e Caiena, tendo como orientadora a professora Edna Maria Ramos de Castro, junto ao NAEA/UFPA, Belém.

Sayad, A. (1999). A emancipação. In: P. Bourdieu (org.). A miséria do mundo. Petrópolis: Vozes.

Sayad, A. (1998). A imigração ou os paradoxos da alteridade. São Paulo: Edusp.
Published
2018-12-31