Love in Time of War and Gender Immigration to Brazil

  • Cristina de Lourdes PELLEGRINO FERES University of São Paulo (Brazil)
Keywords: FEB, Second War, immigration, marraige, Italians, woman

Abstract

This paper analyses the factors involved in the immigration of 58 Italian women to Brazil. They were married to soldiers of the Brazilian Expeditionary Force during the Second World War. Based on biographical research on the interviewees, the analysis intends to determine the reason why this subject has lacked bibliographical interest. For this purpose, there are some considerations upon the personal motivation for immigrating as part of a family project, the State interference to enable it and the role that the inexistence of a migration network played in assimilation into society, as well as how the relation between public and private contributed to muting women’s voices in the context of war.

Author Biography

Cristina de Lourdes PELLEGRINO FERES, University of São Paulo (Brazil)

Mestre em História Social pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP.  Pesquisadora do projeto – Deslocamentos Humanos: narrativas e representações, desenvolvido junto ao LEER/USP com a pesquisa “Expedicionários brasileiros deslocados para o front: narrativas e representações”. Autora do livro Herdeiros da Fundação (São Paulo: Hucitec, 1998) que trata da imigração italiana para o Núcleo Colonial de São Caetano do Sul. Também atuou como pesquisadora do projeto “Memória da Escravidão em Famílias Negras de São Paulo” e coordenou pesquisa e exposição sobre o acervo histórico da Ford Caminhões (SP) e do Sindicato da Construção Civil de São Paulo

References

Assis, G. (2007). Mulheres migrantes no passado e no presente: gênero, redes sociais e migração internacional. Estudos Feministas, 15(3): 745-772.

Bourdieu, P. (2003). Un arte médio: ensayo sobre los usos sociales de la fotografia. Barcelona: Editorial Gustavo Gili.

Cairoli, R. (2013). Dalla parte del nemico: Ausiliarie, delatrici e spie nella Republica sociale italiana (1943-1945). Milano: Mimesis.
Cytrynowics, R. (2000). Guerra sem guerra: a mobilização e o cotidiano em São Paulo durante a Segunda Guerra mundial. São Paulo: Geração Editorial/ Edusp.

Ferraz, F. (2012). A guerra que não acabou: a reintegração social dos veteranos da força expe-dicionária brasileira (1945-2000). Londrina: Eduel Campus Universitário.

Ginzburg, C. (1990). A micro história e outros ensaios. Lisboa: DIFEL.

Isenburg, T. (2015). O Brasil na segunda guerra mundial. São Paulo: 22 Editorial.

Kossoy, B. (2003). Fotografia e História. 2ª Edição, São Paulo: Ateliê Editorial.

Maximiano, C. (2010). Barbudos, sujos e fatigados – soldados brasileiros na segunda guerra mundial. São Paulo: Grua Livros.

Moreira Leite, M. (2001). Retratos de Família: Leitura da Fotografia Histórica. 3ª edição, São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo.

Pessar, P. (1999). The Role of Gender, Households, and Social Networks in the Migration Pro-cess: A Review and Appraisal. In: The Handbook of International Migration: The Ameri-can Experience. New York: Russell Sage Foundation, 51-70.

Pires, W. (1950). Sangue, suor e neve. Rio de Janeiro: Departamento de Imprensa Nacional.

Ponzani, M. (2015) Figli del nemico: la relazione d’amore in tempo di guerra. 1943-1948. Ro-ma/ Bari: Editora Laterza.

Portelli, A. (2016). História Oral como arte da escuta. São Paulo: Letra e Voz.
Quetel, C. (2009). As mulheres na guerra: 1939-1945. São Paulo: Editora Larousse.

Fontes
Arquivo Histórico Nacional, Fundo/Coleções – Divisão de Polícia Marítima, Aérea e de Fronteiras, Rio de Janeiro.

Arquivo Histórico do Exército/ Diretoria do Patrimônio Histórico e Cultural do Exército. Acervo Força Expedicionária Brasileira. Documentos e requisições de passagens e carga - Navio Pedro II, Rio de Janeiro.

Decreto nº 3010, de 20/08/1938. Link http://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/1930-1939/decreto-3010-20-agosto-1938-348850-publicacaooriginal-1-pe.html Acesso em 17/09/2018.

Diário de Notícias (1945/10/23). Rio de Janeiro.

Documentário “FEB a nossa História” (2005). Projeto História Oral dos veteranos da Força Ex-pedicionária Brasileira na Segunda Guerra Mundial. CPOR do Recife e Anvfeb-PE.

Diário de Glauco Castro e Silva na campanha da Itália na Força Expedicionária Brasileira em 1944/1945, cedido pelo seu filho Ricardo Capitani de Castro e Silva, Rio de Janeiro.

Cartas de Rita Cei da Silva (s.a.), ANVFEB de Pernambuco.

Folha Carioca (1945, outubro). Rio de Janeiro.

O Globo (1945/10/06). Rio de Janeiro.

A Noite (1945/10/31). Rio de Janeiro.

Il Tirreno (1945/10/21). Livorno.

Entrevistas
Loretta Maria del Confetto, entrevistada em 12 de junho de 2017, Rio de Janeiro.

Oldinot Wiladino, entrevistado em 19 de outubro de 2016, São Luiz.

Umbertina Signorini de Souza, entrevistada em 23 de março de 2017, Curitiba.
Published
2018-12-31